Vamos falar de ética

Definição: O termo ética deriva do grego ethos (caráter, modo de ser de uma pessoa). Ética é um conjunto de valores morais e princípios que norteiam a conduta humana na sociedade. A ética serve para que haja um equilíbrio e bom funcionamento social, possibilitando que ninguém saia prejudicado.

 

Há alguns dias atrás uma pessoa me recomendou que assisti-se ao filme The founder, em português Fome de poder. Eu que amo biografias e tenho o sangue empreendedor correndo nas veias aceitei a sugestão e fui assistir ao filme no intuito de aprender alguma lição.

ALERTA SPOILER

O filme conta a história de Ray Kroc o visionário que construiu o império da empresa Arcos Dourados, mais conhecida como McDonald´s que dispensa apresentações. Porém ao final do filme só consegui concluir que Ray Kroc foi um tremendo FDP. Ele se vendeu como fundador do McDonald´s (o que consta até hoje nas páginas do empresa) o que é uma mentira, na verdade os fundadores e criadores de todo o sistema fast food são os irmãos Rick e Mac McDonald´s do qual ele roubou a ideia e também o nome.

Não podemos negar que Ray Kroc foi um visionário e que graças ao seu trabalho o McDonalds se tornou a maior cadeia de fast food de hambúrguer do mundo, mas temos que levar em consideração que muito de suas ações foram totalmente anti éticas e nisso não há mérito algum.

Em um momento do filme ele afirma que não se pode vencer no mundo dos negócios sendo bonzinho, por que o mundo dos negócios é uma guerra e isso eu até concordo (se duvida aconselho a ler o livro “Mulheres boazinhas não enriquecem”) mas há duas falas dele em qual eu discordo veemente “contratos são como corações, existem para serem quebrados”  e  “se um concorrente meu estiver afogando eu vou até lá e coloco uma mangueira na boca dele” bem neste momento podemos dizer que ele demostra ser uma pessoa totalmente inescrupulosa. Eu adoraria dizer que com o tempo ele acabou colhendo os frutos de seu mal caráter mas nos sabemos que não foi isso que aconteceu.

 

Pessoas como Ray Kroc estão por toda a parte, pode ser um sócio, um parceiro de negócios, um cliente e manter os olhos bem abertos é fundamental a todo empreendedor pois esses são como lobos a espreita apenas esperando o momento certo para dar o bote. Porém não quero dizer que devemos fazer o mesmo jogo que eles, temos a obrigação de agir da forma ética  inclusive nas pequenas coisas como não pegar fotos na internet e sair divulgando como se o  trabalho fosse seu, não compartilhar textos sem dar os devidos créditos, não distribuir materiais de cursos e palestras sem autorização do responsável, não falar mal do concorrente ou espalhar boatos, não assumir trabalhos ou compromissos que não terá condições de cumprir e não deixar que o ego te domine levando se a considerar melhor que as outras pessoas e que em nome dos negócios você possa levar vantagem e prejudicar outros.

Bem poderia passar o dia inteiro escrevendo sobre isso, porque infelizmente estamos vivendo momentos turbulentos no mundo como um todo e no mercado de eventos não é diferente, multiplica-se a concorrência desleal, a venda de cursos e serviços por pessoas sem capacitação técnica mas que graças ao bom marketing se projetam e arrebanham milhares de seguidores (ou na verdade os compra)  para tentar manter a fachada do que não são, não cumprem sua palavra e muito menos seus contratos.

Bem reconhecemos que somos seres humanos e passiveis de erro, porém uma postura ética nos negócios e na vida nos permite ser não apenas profissionais e pessoas melhores, mas ter uma vida digna e uma mente tranquila.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *